domingo, julho 3, 2022

Latest Posts

Salvador e Reino Unido assinam acordo de cooperação para projetos

Para atrair investimentos e promover ainda mais o desenvolvimento econômico da capital baiana, o prefeito Bruno Reis e o diretor do Departamento de Comércio do Reino Unido, Martin Richard Whalley, assinaram, nesta segunda-feira (7), no Palácio Thomé de Souza, um memorando de entendimentos para desenvolver parceria e contatos entre si, através de instituições públicas e privadas das duas localidades. A iniciativa prevê a participação em eventos, com foco no desenvolvimento e na troca de experiências nas áreas de educação, ciências/saúde, infraestrutura, finanças, promoção social e sustentabilidade, dentre outras ações.

A iniciativa amplia as funções do Escritório de Governança Social, com a criação do Escritório de Comércio Internacional, um braço de ação para assuntos externos. A parceria entre a Prefeitura de Salvador e o Ministério Internacional de Comércio do Reino Unido da Grã-Bretanha e Irlanda do Norte vai possibilitar a realização conjunta de projetos e ações em diversas áreas.

O prefeito destacou que o acordo é uma forma de buscar alternativas para geração de emprego e renda na cidade, em especial para as camadas mais pobres. “Esta nova pasta reestrutura a Secretaria de Governo (Segov), sem gerar mais despesas ou a criação de novos cargos. Por outro lado, investe e dá mais condições para a busca de parcerias de cooperação técnica neste mundo globalizado, adotando soluções já realizadas com sucesso em outros países, para podermos aplicar aqui também com êxito, pois são capazes de melhorar ainda mais a vida das pessoas”, declarou.

O diretor de Departamento de Comércio do Reino Unido destacou que o memorando serve para fortalecer ainda mais a parceria entre os britânicos e Salvador. “Neste acordo temos setores específicos onde queremos focar, buscando melhorar a vida das pessoas no Reino Unido e em Salvador. Nosso plano é iniciar projetos conjuntos e facilitar projetos que sejam bons para ambos os lados”, disse Martin Whalley.

A vice-prefeita e secretária da Segov, Ana Paula Matos, ressaltou a importância de buscar parcerias internacionais para a realização de projetos na capital baiana. “É um momento importante, onde entendemos que é hora de atuar ainda mais na questão das ações globalizadas, buscando financiamentos, tecnologias e ainda mais conhecimentos, frente aos desafios globais relacionados à economia, sustentabilidade e a busca pela paz. Para isso criamos o Escritório de Cooperação Internacional, que tem a responsabilidade de identificar no mundo as melhores práticas de governança, de desenvolvimento social, procurando oportunidades para todos”, explicou.

Parceria – Na área de Educação, a parceria visa estabelecer o ensino bilíngue, tendo o inglês como a segunda língua para fins específicos, buscando discussões sobre qualidade e uso de padrões no ensino de inglês e tecnologias na educação (EdTech). Para as Ciências da Vida e Saúde, o acordo traz propostas para a criação da Saúde digital (Health Tech) e inovação nas áreas de diagnóstico e análise genômica.

Em Infraestrutura, é a vez do Building Information Modelling (BIM), que foca na troca de tecnologias para cidades inteligentes e boas práticas para contratação pública. No setor de Economia, a cooperação visa a adoção da metodologia “ESG” para investimentos e atuação em conjunto nas áreas de Open Banking e Fintechs.

Setor central em discussão nas principais sociedades mundiais, a Sustentabilidade prevê o apoio em atividades relevantes, com colaboração mútua e intercâmbio de boas práticas e cooperação técnica. Para as ações sociais, a parceria contribui para o intercâmbio de boas práticas e elaboração de estratégias em conjunto para projetos na área.

Latest Posts

spot_imgspot_img

Don't Miss

Stay in touch

To be updated with all the latest news, offers and special announcements.